GEOeasy


Banner



Pré-inscrições,

Clique aqui.

Veja o álbum de fotos
das turmas anteriores


Leia os depoimentos
de quem já participou de nossos treinamentos



Modos de treinamento:


  • Turma In Company: Você monta sua turma e nossa equipe ministra os treinamentos dentro de sua organização.
  • Turma Fechada: Aguarda a montagem de uma turma e realiza os treinamentos nas dependências da GEOeasy ou em um Centro de Convenções indicado.


O interessado será notificado via e-mail e ou telefone a respeito dos detalhes do treinamento, como: datas, número de alunos com interesse, local e outros.

Para o pagamento do investimento (Treinamento), adotaremos somente a utilização do PagSeguro como forma de recebimento. (em até 18X)



PagSeguro é a solução completa para pagamentos online, que garante a segurança e conforto de quem compra e de quem vende na web. Quem compra com PagSeguro tem a garantia de produto ou serviço entregue ou seu dinheiro de volta. Quem vende com PagSeguro fica livre de fraudes e perdas em vendas online.



Convênio com os maiores bancos e administradoras:

Para garantir total segurança e integridade durante as compras e vendas online, todas as operações financeiras são efetuadas em ambiente seguro. Veja os principais bancos e administradoras conveniados:



  • Visa
  • MasterCard
  • American Expres
  • Diners
  • Aura
  • Boleto
  • Hipercard
  • Bradesco
  • Itaú
  • Banco do Brasil
  • Banco Real
  • Banrisul


[+] Para conhecer o PagSeguro e saber quais as formas de pagamento melhor se encaixam ao seu perfil, clique aqui: [+]



[+] Em caso de dúvidas, entre em contato com a GEOeasy pelo telefone
(34)3214-0640
ou mande email para treinamento@geoeasy.com.br [+]

Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro

Treinamento em Geotecnologias - Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto

1 - Público alvo:

Profissionais e estudantes de áreas com afinidade às Geotecnologias, e que desejem aprender ou consolidar seus conhecimentos em Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto, como: Agronomia; Arquitetura; Biologia; Eng. Agrimensura; Eng. Ambiental; Eng. Cartográfica; Eng. Civil; Eng. Florestal; Geografia; Geologia; Geomática; Tecnologia da Informação; Topografia e correlatas.


2 - Justificativas em se qualificar:

Atualmente vivemos em um mundo dinâmico e veloz. A capacidade de tomar decisões baseadas em evidências confiáveis, por parte do poder público e de empresas privadas é determinante para o sucesso de qualquer política e/ou investimento.

Informações espaciais sobre localização, áreas, fluxos e fenômenos – atualizadas em tempo real e com precisão e acurácia é de extrema valia para qualquer empreendimento ou pesquisa. As Geotecnologias e o domínio das técnicas para usá‐las são fundamentais para toda sorte de trabalhadores e administradores de nosso século, pois são um meio de acelerar a tomada de decisões e reduzir os custos operacionais.

Outra faceta das geotecnologias é no monitoramento de biodiversidade, unidades de conservação, focos de incêndio, desmatamento, entre outros projetos diversos aos quais os SIGs podem ser aplicados na esfera ambiental.

A implantação de um bom sistema de informações geográficas (SIG) nos proporciona agilidade na obtenção de respostas relativas à questões espaciais, das mais simples as mais complexas, como:
  • Qual bairro possui maior população?
  • Qual a extensão de uma linha de ônibus que cruza o centro da cidade? Quantos pontos de ônibus esta linha serve? Quantos passageiros a usam?
  • Qual é a melhor localização para a implantação de um aterro sanitário, levando em conta aspectos como topografia, demografia, geologia, geomorfologia e fácil acesso para caminhões?


Estas questões apresentadas acima são apenas uma pequena demonstração do poder decisório que os SIGs dão à administração pública e privada. A análise espacial é a principal característica que um SIG realiza, e de longe a mais poderosa.

No exterior o uso de SIGs corporativos e para administração pública já é comum há anos, mas somente na última década que o Brasil percebe esta grande ferramenta. Grandes empresas como Companhia Vale do Rio Doce e a CEMIG já utilizam o SIGs como uma ferramenta indispensável à gestão de recursos e pessoal. Prefeituras como a de Curitiba, São Paulo, Uberlândia, entre outras o usam para gestão pública, na cobrança do IPTU, administração de vias, logradouros, e transporte público. Órgãos públicos governamentais e não‐governamentais como o INPE, WWF Brasil, Greenpeace usam os SIGs como forma de monitoramento e prevenção.

As possibilidades de uso das geotecnologias estão crescendo, e o mercado para profissionais experientes e com domínio das mesmas também.


3 - Objetivos:
  • Dominar de maneira teórica e prática fundamentos de cartografia e cartografia temática, bem como representações de fenômenos espaciais;
  • Conhecer as melhores estratégias para formulação de bancos de dados georreferenciados, integração sistêmica, coleta de dados e produção de conhecimentos espaciais;
  • Aperfeiçoar o procedimento de leituras de textos técnicos e científicos relevantes as Geotecnologias.
  • Expor aspectos técnicos da manipulação do software SIG / GIS Desktops (Sistema de informação geográfica / Geographic information system);
  • Expor os fundamentos teóricos e práticos do Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto, de maneira prática, possibilitando fácil aplicação das disciplinas em projetos acadêmicos e no mercado público‐privado.


4 - Competências a serem adquiridas:

O aluno terá a chance de adquirir conhecimentos nas áreas de Geotecnologias, em seus princípios mais básicos aos mais avançados. A parte teórica fundamental, informações sobre banco de dados, matemática computacional básica, cartografia e cartografia temática, fundamentos de sensoriamento remoto e cartografia digital são o passo inicial para uma boa formação na área de geotecnologias.

Sendo o treinamento 80% prático,após a conclusão, o ingressante poderá aplicar os conhecimentos adquiridos no mercado ou em seus projetos, manipulando um sistema GIS de forma segura, de modo a trazer retornos profissionais e financeiros.

Deve se ressaltar que o mercado é dinâmico e o surgimento de novas tecnologias acelerado. Além de proporcionar uma base fundamental ao aluno, o curso tem como objetivo final apontar os melhores caminhos para o contínuo aprendizado de assuntos relacionados.


5 - Ementa:
  • Introdução ao Geoprocessamento;
  • Fundamentos de cartografia e cartografia temática;
  • Projeções cartográficas;
  • Fundamentos de sensoriamento remoto;
  • Funcionamento e uso prático de GNSSs (Global Navigation Satellite System – Sistemas de Posicionamento Global);
  • GIS Desktop básico e intermediário.


6 - Conteúdo Programático:

Aula 1: Introdução ao Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto
  • O que é Geoprocessamento? O que é cartografia digital? O que é Sistema Gerenciador de Banco de Dados? O que é Sensoriamento Remoto? O que é GPS/GNSS?
  • Campos de atuação, exemplos de aplicações e histórico do Geoprocessamento;
  • Escala, representações visuais, projeções cartográficas;
  • Histórico do Sensoriamento Remoto;
  • Princípios básicos; Comportamento Espectral de Alvos;
  • Sistemas sensores (CBERS, LANDSAT, IKONOS, SPOT, SRTM);
  • Metodologia de Interpretação Visual de Dados;


Aula 2 e 3: PDI (Processamento Digital de Imagens)
  • Composição de bandas multiespectrais ;
  • Georreferenciamento de imagens de satélite (Imagem para Mapa, Imagem para Imagem);
  • O uso do histograma;
  • Trabalhando com Grades Regulares;
  • Trabalhando com vetores;
  • Modelagem Numérica (3D) de Terreno ( MDE, MDT, MDS, TIN );
  • Formatos mais usados.


Aula 4 e 5: GIS básico e intermediário
  • Funcionamento básico de um GIS;
  • Formatos livres(Open Source) e Proprietários;
  • Ajustando projeções cartográficas;
  • Representações;
  • Query Builder: como buscar informações?;
  • Desenho técnico;
  • Análises espaciais vetoriais: Clip, Merge, Buffer, Split, Intersect, Symmetrical Difference;
  • Como trabalhar com arquivos CAD em um GIS?;
  • Como administrar meus dados?;
  • Criação e editoração de mapas finais. Layout e arte final.


Projeto experimental:

O projeto experimental tem como objetivo dar oportunidade ao aluno colocar em prática os conhecimentos adquiridos durante o treinamento no intuito de avaliá-lo e orientá-lo quanto à aplicação e utilização das práticas e ferramentas de processamento de informações geográficas e processamento digital de imagens.

Esse mini projeto será desenvolvido pelo aluno, em horários flexíveis, distintos dos horários presenciais.

[ NOVIDADE! ] Ambiente Virtual de Aprendizagem:

Sendo de interesse, o aluno poderá participar do SGT – Sistema de Gestão de Treinamentos (on-line) o qual fornecerá um ambiente de aprendizado modular, ferramentas intuitivas e dinâmicas que poderão ser acessadas através de um nome de usuário e senha, de modo flexível, conforme disponibilidade de tempo. Dentre as principais funcionalidades do SGT, cita-se: Fóruns; Chats; Glossário; Questionários; Lições; Diário; Pesquisas de opinião; Tarefas; Matérias de suporte ao professor e aluno; Suporte multi-idiomas e Outros.


7 - Cronograma:

Aulas / Carga Horária Data(s) prevista(s):
  • Aula 1 e 2 = 8 horas
  • Com agendamento
  • Aula 3 e 4 = 8 horas
  • Com agendamento
  • Aula 5 e 6 = 8 horas
  • Com agendamento
  • (Serão emitidos certificados)


    8 - Pré-requisitos:
    • Ter noções básicas de Microsoft Windows e princípios de navegação na Internet;
    • Para as aulas práticas, portar computador pessoal com configuração mínima de 1 Gb de Memória RAM


    9 - Modos de treinamento:
    • Turma In Company: Você monta sua turma e nossa equipe ministra os treinamentos dentro de sua organização;
    • Turma Fechada: Aguarda a montagem de uma turma e realiza os treinamentos nas dependências da GEOeasy ou em um Centro de Convenções indicado.


    10 - Corpo docente / instrutores:

    Daniel Henrique A. Superbi – Bacharel em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia, Graduado em Análise e Desenvolvimento de Sistemas – UNIPAC, Pós graduado em Georreferenciamento de Imóveis e Cadastro Técnico Multifinalitário pela FEAMIG - Faculdade de Engenharia de Minas Gerais. Possui experiência de nove anos de trabalho com Geotecnologias, SIGs e Sensoriamento Remoto em diversas áreas, como: Engenharia de Dutos, Empreendimentos Hidroelétricos, Meio Ambiente, Geomorfologia e Modelo de Dados. Profissional em contato com as mais novas ferramentas disponíveis no mercado e diversas técnicas consolidadas.

    Gerente de Projetos da GEOeasy – Geotecnologias e Meio Ambiente.

    Ms. Tatiana Diniz Prudente – Possui graduação e mestrado em Geografia pela Universidade Federal de Uberlândia, Especialização em Geomática pela Faculdade Católica de Uberlândia, atualmente é Doutoranda em geografia pela UFU . Tem experiência na área de Geografia Física, com ênfase em Geoprocessamento e Sensoriamento Remoto aplicados ao Planejamento Urbano e Ambiental.

    Professora do ensino público e Especialista em Geomática da GEOeasy – Geotecnologias e Meio Ambiente.


    11 - Valor do investimento:

    R$ 1.200,00 (mil e duzentos reais) para profissionais, 5% de desconto (R$ 1.140,00) para estudantes *Pagos através e conforme critérios do PagSeguro da UOL (em até 18x) incluindo material didático em CD com matéria em formato digital.

    * O PagSeguro poderá arrecadar pequena taxa de juros para cada tipo de modalidade de pagamento e cartão de credito a ser utilizado.

    Entre em contato e solicite mais informações a um de nossos representantes.

    12 - Número de vagas:
    • Número minimo de 5 alunos por turma.


    Logotipos de meios de pagamento do PagSeguro